PCdoB compõe segundo maior bloco na Câmara

Brasília, sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019 - 21:27      |      Atualizado em: 6 de fevereiro de 2019 - 11:54

POLÍTICA

PCdoB compõe segundo maior bloco na Câmara


Por: Da Redação

Grupo soma 105 parlamentares e fica atrás apenas do bloco formado pelo PSL.

Luis Macedo/Agência Câmara

Os partidos com representação na Câmara dos Deputados formalizaram nesta sexta-feira (1º) três blocos parlamentares. Segundo o regimento interno da Casa, esses blocos são a base para a divisão dos cargos da Mesa Diretora pelos próximos dois anos e servem de parâmetro para a distribuição das vagas nas comissões pelos próximos quatro anos.

Com 105 parlamentares, o bloco formado pelo PCdoB, PDT, Podemos, Solidariedade, Patriota, PPS, Pros, Avante, PV e Democracia Cristã é o segundo maior, atrás apenas do grupo formalizado pelo PSL, PP, PSD, MDB, PR, PRB, DEM, PSDB, PTB, PSC e PMN, que soma 301 parlamentares. Já o bloco formado pelo PT, PSOL, PSB e Rede totaliza 97 parlamentares. Dois partidos não integram nenhum bloco: o Novo, com oito deputados, e o PTC, com dois.

Os blocos formados pelo PCdoB e pelo PT já declararam posição contrária à Reforma da Previdência e à política liberal do governo Bolsonaro – o que dificultará a aprovação de pautas marcadas pelo retrocesso, visto que uma Proposta de Emenda à Constituição precisa de pelo menos 308 votos favoráveis, em dois turnos, para ser aprovada.

“Vamos manter a defesa da democracia, de um país soberano. Esse governo quer impor sua agenda ao Legislativo, mas é uma agenda de retrocessos. Tudo aquilo que mexer com os direitos dos trabalhadores terá uma resistência forte, articulada e intensa. Estaremos dialogando com outros partidos de esquerda, com movimentos sociais, sindicais, com trabalhadores urbanos e rurais para defender os interesses dos trabalhadores”, afirmou o deputado Rubens Pereira Jr (PCdoB-MA).

Presidência da Câmara

A eleição do novo presidente da Câmara também ocorreu nesta sexta. O prazo de registro das candidaturas encerrou às 17 horas e contou com sete parlamentares: Fábio Ramalho (MDB-MG), 1º vice-presidente na legislatura passada; JHC (PSB-AL), que ocupou a 3ª secretaria da Mesa Diretora na legislatura passada; General Peternelli (PSL-SP); Ricardo Barros (PP-PR); Marcel Van Hattem (Novo-RS); Marcelo Freixo (PSOL-RJ) e o atual presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Desses, Rodrigo Maia foi o parlamentar que angariou o maior número de apoios e se reelegeu para o cargo com 334 votos, em primeiro turno.

O PCdoB foi um dos partidos que apoiou a candidatura do Democrata. Para a legenda, neste momento, Maia é o candidato mais credenciado a garantir o respeito ao Regimento Interno da Casa, assegurar espaços à Oposição e à Minoria, bem como o equilíbrio entre os três Poderes, de modo a restaurar as prerrogativas e a força do Poder Legislativo.









Últimas notícias

Notícias relacionadas

Sobre nós
Contatos

Área Restrita
Login
Liderança do PCdoB na Câmara dos Deputados
Praça dos Três Poderes, Câmara dos Deputados, anexo II, sala T-12
Brasília-DF - 70160-900 - Telefone: 55 (61) 3215-9732
ascompcdobcd@gmail.com